Pesquisar este blog

Nosso Blog é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox.

Total de visualizações de página

Translate

Follow by Email

Seguidores

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Pesquisador mostra fortes ligações da Umbanda com a história do Brasil

Correio Braziliense (19/12/2011): Pesquisador mostra fortes ligações da Umbanda com a história do Brasil: Durante dois anos e oito meses, o pesquisador Rafael de Nuzzi Dias, católico, despiu-se de preconceitos e visitou quatro diferentes segmentos de terreiros de umbanda em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, para desenvolver um estudo. A experiência resultou na dissertação de mestrado “Correntes ancestrais: os pretos-velhos do Rosário”, que buscou compreender a doutrina sob a ótica social. Uma das mais importantes reflexões que podem ser apreendidas da pesquisa é que o umbandismo está intimamente ligado à história cultural do Brasil. Negros, europeus e índios formaram o país. Bebendo das características religiosas dessas fontes, surgiu, em 1908, no estado do Rio de Janeiro, a umbanda em todo o seu sincretismo. A religião orgulha-se em afirmar que é genuinamente brasileira. Segundo a Federação Brasileira de Umbanda, são cerca de 5,3 mil terreiros afiliados no país atualmente. Mestre em psicologia pela Universidade de São Paulo (USP), Dias faz parte do grupo que integra o Laboratório de Etnopsicologia da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da USP em Ribeirão Preto (FFCLRP/USP), coordenado pelo professor José Miguel Bairrão. O objetivo do seu trabalho foi tentar entender como a cultura, os símbolos e os dispositivos que compõem os saberes são utilizados para elaborar questões que podiam ser chamadas de psicológicas. Com a aplicação da etnopsicologia, relativa às raças, procurou-se compreender como a cultura religiosa modela o lado psicológico do indivíduo. >>> Leia mais, clique aqui.

Veja mais:

Nenhum comentário:

Postar um comentário